Apoios:

Monsanto PANORÂMICO

12nov2017

Com uma afluência acima da média, 17 betetistas rumaram em direcção ao Parque Florestal de Monsanto para disfrutar dos magníficos single-track ali existentes. Passagem pelo antigo restaurante Panorâmico de Monsanto, que actualmente serve como miradouro. Sempre bem por maus caminhos!


BTT RIDE AFTER RAIN

05nov2017

Passeio BTT com passagem pelas Penhas da Marmeleira. Sempre meia roda à frente.


Refúgio da Loba

Refúgio da Loba
Domingo, 08 outubro 2017
Após um convite do Clube MoucaBTT, aos seus sócios, para uma caminhada em plena serra de Sintra, com a saída e a chegada na Lagoa Azul, fomos, alguns de nós convidando amigos e colegas para este evento pedestrianista, à hora certa, 09:00, lá estávamos nós. 45 caminheiros equipados a rigor para iniciarmos, com toda a vontade e querer, o esperado e bem organizado, pedestre, pelo Luís Pina.  Nunca contesto ou ponho qualquer duvida sobre se irá ser mais um bem-sucedido evento, quando este homem, LP, reconhece e organiza um pedestre na serra de Sintra, que ele conhece como ninguém! É sempre de esperar um trajecto bem escolhido e com um traçado de nível médio bem puxadote, mas também se assim não fosse, e não tivesse algum grau de dificuldade nunca teria a beleza o divertimento e a transpiração que foi causando em todos nós em plena mobilidade. A diversidade e beleza dos trilhos, a biodiversidade das muitas espécies de árvores e arbustos são fantásticas. Depois de um breve briefing pusemo-nos em marcha… Serra acima serra abaixo, com mais dificuldade para uns e menos para outros, todos nós fomos cumprindo o proposto, as varandas de observação mais emblemáticas foram aparecendo… não havia contemplações os vários reportes fotográficos acotovelavam-se para arranjarem o melhor espaço para a recolha das melhores imagens! Sempre na esperança de registarmos aquele momento de retenção memorável. A sinuosidade dos trilhos ia provocando algumas quedas, com mais ou menos gravidade iam acontecendo, entorse e hematomas, quatro dias depois, ainda persistem, como aquilo que não nos mata! fortalece-nos… estou que nem um alho! Fomos passando e bordeando pela Pedra Branca, Tapada do Saldanha, Vale do Rio da Mula, Refugio da Loba. Todos estes emblemáticos sitos são marcos que nos vão perdurar na mente, talvez causando alguma nostalgia e vontade de querermos percorrer novamente as várias pontes de madeira suportadas por paus, colocados com a estratégia, técnica e sabedoria dos betetistas que por aqui coabitam todo o ano…. Após três horas e tal de caminhada chegamos ao local da partida, Lagoa Azul, rondamos a dezena de Kms de muita subida e descida, o cansaço era visível em alguns rostos os mesmos que também transbordavam a satisfação e a felicidade de superação de mais uma prova física concluída por um grupo de gente divertida e supere-feliz, assim se passou mais uma manhã de domingo de Outono que mais parecia verão. Até já. Abraço.
“O Moukista sentado” 

Comemoração do Dia da República

o5out2017

O Clube MoucaBTT, mais uma vez esteve presente na cerimónia das comemorações do Dia da República em Sintra. Grupo bem composto e sempre com boa disposição. Sempre meia roda à frente.
 

Bicla Fest 2017 e Marginal sem carros

17 de setembro de 2017
Bicla Fest 2017 e Marginal sem carros.
Presença discreta do Clube MoucaBTT... mas vivamente participada pelos que aceitaram o desafio.
Saída do Largo da República em Agualva pelas 08H00, com destino à Praça do Comércio em Lisboa. Após o levantamento da t-shirt e bidon de água e algum tempo de espera, começou finalmente o passeio agendado pela FPCUB, eram 10H30, nesta altura rumamos em direcção à marginal para também marcar presença no evento, Marginal sem carros.
Depois foi o regresso até à nossa sede, onde chegamos pelas 12H15 com 50 kms percorridos, para degustar a respectiva mini e mais uns dedos de conversa.
More bikes less cars!
 

Voltinha ao Jamor

30 de julho de 2017

Passeio BTT com 40 kms. Início e fim no Largo da República em Agualva com passagem por Barcarena, Vila Fria Marginal e Jamor. Sempre meia roda à frente.
 
 



Tour VTT

16 de julho de 2017

Hoje, 16 de julho de 2017, o passeio de bicicleta levou-nos até ao Monsanto. O nome escolhido foi TOUR VTT, sim, estamos a viver a Volta a França.
Pelas 08H00, 7 Moukistas rolaram do Lrg da república em Agualva, em direção à Idanha, Queluz, Amadora, Venda Nova, Estrada de Benfica até São Domingos de Benfica, local escolhido para entrar na Serra de Monsanto, mais propriamente pelo Calhau.
A partir daqui começou a diversão, os single-tracks estão do melhor. Subimos bem, mas descemos melhor, algumas passagens requereram alguma exigência física e técnica, a adrenalina em muitas passagens subiu bem alto.
O lanche matinal ddecorrer perto da Cruz das Oliveiras, eram 10H20, ainda tínhamos mais algum tempo para disfrutar desta bela mata.
O regresso fez-se pelo Bairro da Boavista, Damaia, Amadora, Queluz e Monte Abraão, aqui um simpático casal pediu-nos "boleia" até a Agualva, assim, juntou-se ao grupo e pedalou connosco até Agualva. Já em Agualva, tendo como fundo a Ribeira das Jardas, fizemos a separação.
Alcançámos a sede do Clube às 12H10, para o habitual sumo de cevada e mais um dedo de conversa.
Distância: 52 kms
Altimetria positiva: 1000 mts
Sempre bem por maus caminhos!


Dia do Município de Sintra 2017

29 de junho de 2017
Mais uma vez o Clube MoucaBTT, esteve presente na Cerimónia do Hastear da Bandeira nos Paços do Concelho em Sintra. Desta vez para comemorar o Dia do Município de Sintra.


Terra Agreste

domingo, 25 de junho de 2017
Terra Agreste
Às sete badaladas do dia 25 de Junho, 7 Moukistas juntaram-se para cumprirem um raid que prometia a passagem por terras agrestes, seja lá o que isso significar no dicionário MoucaBTT… Boa disposição e expectativas em alta era a tónica do grupo que iniciou caminho saindo de Agualva a rolar por alcatrão, passando por Meleças, até atingir o final da recta da Granja. Com o aquecimento já feito, era agora tempo de se entrar no terreno predilecto desta malta, a terra… 12 kms cumpridos e os primeiros trilhos e este vosso Moukista falava com o PP sobre a loucura de trilhos que curtiu na 7ª Maratona de Avintes, conversa interrompida aos 14 kms, altura em que entre a Terrugem e São João das Lampas, iniciávamos uma sucessão espectacular de singletracks que faziam os Moukistas pedir mais e mais… Daqui até aos 27,5 kms, o divertimento manteve-se, indo o grupo rolando a bom ritmo por trilhos que alternavam entre segmentos mais técnicos e alguns estradões, com zonas de subida a exigir um misto de técnica (pela largura e inclinação dos trilhos) e alguma força para serem superadas.
Com 27,5 kms cumpridos e atingido o ponto de altimetria mais baixo do percurso (45 mts), era agora tempo de subir por estradão até ao geodésico que colocava na vista a praia do Magoito.
Aos 29 km e já no marco geodésico junto à praia do Magoito, tempo para o salutar reforço alimentar e dar uma olhadela nas belas vistas que nos rodeavam, quer fosse com o mar, quer fosse com a Serra de Sintra em pano de fundo. A referir que apesar do ritmo vivo e já cumprido cerca de metade do track, o Zé Gonçalves mantinha o impermeável, não fosse chover… o que este pessoal não faz para suar..
Tempo de retorno para Agualva, ou seja, um pouco a repetição no bom sentido dos primeiros 30 kms, alternância entre estradões e singletracks até se atingirem os 40,5 kms. Aqui, deu-se inicio a uma sequência de singletracks que terminou apenas aos 45,5 kms, ou seja, 5 kms de pura diversão que foram cumpridos sempre com Sintra à vista. Findos os singletracks, encontrávamo-nos na fase inicial do percurso, o local de entrada nos trilhos que falei aos 12 kms (em Ral).
Era agora tempo de rolar novamente pela recta da Granja até se chegar ao Recoveiro, com passagem por Meleças e Mira-Sintra, chegando por fim à Sede da MoucaBTT após cerca de 60 kms e 900 mts de D+. Tempo de habitual sumo de cevada e mais dois dedos de conversa… Era unânime o divertimento que estes 7 Moukistas tiveram mas também a vivacidade do ritmo com que este passeio foi realizado… Por fim, tempo para o injectável do Vice-Presidente por este vosso Moukista, pois há que colocar este betetista a pedalar novamente! Certo estou que se tivesse ido connosco o seu comentário ao raid realizado seria… Por terra agreste e nem cheguei a suar! Haja saúde e mais raids como este!
Prá semana há mais!