Apoios:

Lápias e muito ma's!

22abr2018
 
Passeio BTT com dificuldade acrescida pelo estado do terreno, muita água e lama por vezes tornaram-se problemas sérios. Em alguns locais a bikes deixaram mesmo de rolar devido à lama acumulada nos pneumáticos. Algumas avarias e quedas à misturam, também fizeram parte deste passeio. A boa disposição e espírito de grupo estiveram  sempre presentes. Sempre bem, por maus caminhos!


Passeio BTT 08abr2018

domingo, 08 de abril de 2018

Passeio BTT, 08abr2018. Mais uma voltinha bem simpática. Foram 9 os Moukistas que apareceram para este desafio com 45 kms e um acumulado de 900 mts, passagem pelos sempre espectaculares trilhos de Monsanto.
O desafio era passar e conhecer o Farol designado por "Mama Sul", localizado na Serra de Carnaxide, concelho de Oeiras, distrito de Lisboa, a cerca de 4 km a NE (nordeste) do Farol do Esteiro (Estádio Nacional, Sra da Boa Viagem).
O farol consiste num monumento branco com três pés, estando a lanterna instalada numa plataforma a 10 metros de altura.
Juntamente com o Farol da Gibalta (Cruz Quebrada junto Marginal) e o Farol do Esteiro, faz parte do grupo de Faróis da Barra de Lisboa.
A Marca da Mama, já existente em 1857 era inicialmente cega e constitui a marca posterior da Barra Sul do Porto de Lisboa.
Foi iluminada em 1995 com uma lanterna direcional Tideland RL 355. Alcance atual: 21 milhas.

Para além desta visita histórica o delírio foi mesmo atingido nos trilhos de Monsanto.
Sempre meia roda à frente!


Sintrada, bridges & chocolate

domingo, 25 fevereiro 2018

Sintrada, Bridges & Chocolate
O sol aparecia descontraidamente, apesar da brisa “fresca” que se sentia à porta da Sede da MoucaBTT pelos 10 moukistas que agarraram o desafio lançado para mais uma manhã de pedalação. Desta vez, a promessa era a de desfrutar de “pontes” na Serra de Sintra com término no Festival do Chocolate a decorrer no Largo da República em Agualva.
Pelas 8 badaladas, este grupo lançou-se em direcção a Sintra, subindo ao alto do Cacém e passando por Albarraque e Manique de Cima. Boa disposição e muita conversa fizeram os moukistas chegar ao Pisão rapidamente e aqui entrar no terreno predilecto do grupo, os trilhos… Iniciada a subida de forma gradual até ser alcançada a N9-1, onde o grupo transitou novamente para o trilho (com algumas rampas de gradiente mais acentuado que deixaram alguns sem fala) que nos levaria até uma das principais subidas em direcção à Pedra Amarela. Chegados ao reservatório de água, foi tempo de contornar o sopé da torre de vigia da Pedra Amarela e irmos para a Peninha, alcançando o Parque de Merendas das Pedras Irmãs por estrada, local onde acabamos por fazer o reforço matinal, pois estes moukistas encontravam-se com 22,5 kms percorridos, à cota dos 458 mts. As próximas duas horas prometiam, com as expectativas do grupo em alta… Assim, retomamos a pedalação pelo trilho da floresta encantada, garantindo um misto de trilho técnico com a beleza da Serra de Sintra. Posteriormente descemos até à estrada que nos levaria até ao Convento dos Capuchos, com paragem no miradouro para a foto de grupo, estando vários elementos do grupo a avaliar a profundeza do mato que aí se avistava, chegando mesmo um dos moukistas a referir que “se um deles lá caísse faria uma cova no buraco”??? Chegados aos Capuchos, o moukista José Gonçalves juntava-se para a diversão que aí vinha… Singletracks atrás de singletracks faziam o grupo vibrar, alcançando-se agora o Trilho das Pontes… Aqui, as palavras não fazem juz às emoções sentidas, 1,5 kms aproximadamente de um trilho técnico e belo onde se fazem inúmeras passagens por pontes construídas com o intuito da diversão. De seguida, ainda houve tempo para ir fazer o trilho ZZ Top, em divida da semana anterior pelo moukista Luís Carvalho.
Tempo de regressar pelo Pisão em direcção à Tabaqueira e posteriormente Agualva, onde foi tirada a foto no Festival do Chocolate.
Com 48 kms e aproximadamente 1150 mt de acumulado positivo, era agora tempo de recuperar forças com o habitual sumo de cevada… Boas pedaladas!

António Luís, Moukista 51


Carnaval BTT 2018

terça-feira, 13 fevereiro 2018

Passeio BTT na terça-feira de Carnaval, 13fev2018. Boa disposição e excelente companhia. Sempre meia roda à frente.


Passeio BTT 11 fev2018

domingo, 11 fevereiro 2018

Passeio BTT realizado em 11 fevereiro 2018, alguma chuva mas muito boa disposição. Sempre bem por maus caminhos!


Montemuro

28jan2018
Passeio de BTT a Montemuro, realizado pelo Clube MoucaBTT no dia 28jan2018. Foram 17 os entusiastas do BTT que se juntaram para este desafio. Descidas e subidas bem duras num percurso com 48 kms e uma altimetria de 1250 D+, trilhos muito técnicos a provocar algumas quedas. Sempre bem por maus caminhos!

Passeio BTT Sintra

domingo, 21 de janeiro de 2018

Passeio de BTT realizado a 21jan2018, 48 kms com 1200 mts D+. Hoje foram 15 os entusiastas do BTT que quiseram estar presentes neste magnífico passeio. Duro mas de uma beleza extrema. Este grupo da Freguesia de Agualva e Mira Sintra está forte e coeso. Sempre bem por maus caminhos!
 

Trilhos da Arrábida 2017

domingo, 19 de novembro de 2017
Mais um grande passeio de BTT, desta vez teve como cenário a Arrábida.
Pelas 06H15 já havia movimento na sede do Clube MoucaBTT, a saída do Lrg da República estava marcada para as 06H30. À hora prevista iniciou-se o deslocamento de Agualva para Palmela.
Após a chegada a Palmela foi rápida a preparação para iniciar a pedalação, eram 07H36 quando o 15 participantes saíram dos Bombeiros de Palmela em direção à Serra do Louro.
O tempo, ainda que fresco, estava adequado à prática do BTT, muito sol e sem vento.
Depois da passagem pelo cume da Serra do Louro (moínhos), veio o primeiro momento de diversão, descida do single-track "Fio dental", feito a alta velocidade é o máximo.
A subida até ao Alto das Necessidades foi feita em amena cavaqueira e andamento moderado. Daqui até ao moinho do Cuco foi uma ápice e rapidamente estávamos a descer o single-track Califórnia. Havia agora que passar pelas vinhas em redor de Azeitão em direção ao Trilho da Falésia. Este trilho requer alguma atenção devido à passagem estreita com um escarpado de respeito.
Seguia-se um troço em alcatrão para alcançar a Marmita do Gigante e chegar em seguida à escarpa que dá para o mar, com a Serra do Risco à vista. Paisagem deslumbrante! Foi aqui que fizemos a reposição de líquidos e sólidos, aproveitou-se como é habitual para mais umas chalaças, sempre em saudável convívio. Estávamos a meio do track proposto, havia que regressar a Palmela, eram 10H15.
Um single quase sempre a descer ou plano, com muita pedra e algo técnico fez-nos companhia durante 3 kms, muito bom!
Seguiu-se o single-trakc Chico das Saias, estava uma delícia! Aqui já se notava algum cansaço, havia que refrear o andamento e manter o grupo junto. Tinha-mos de atravessar a Serra de São Luís, com um estradão sempre a subir. As paragens foram mínimas e rapidamente estávamos no trilho das oliveiras em direção a Vale de Barris.
Atingido o alcatrão foi rolar até Palmela, foto no fontanário e subida até aos bombeiros.
No final 58 kms com 1200 mts d+, tempo em andamento 4 horas.
Mais uma vez os Bombeiros de Palmela disponibilizaram-nos as instalações para banho e almoço, bem hajam!
Pelas 14H20 estávamos de regresso a Agualva com uma satisfação imensa pelo belo passeio e excelente convívio proporcionado por todos os intervenientes.
Sempre meia roda à frente.



Monsanto PANORÂMICO

12nov2017

Com uma afluência acima da média, 17 betetistas rumaram em direcção ao Parque Florestal de Monsanto para disfrutar dos magníficos single-track ali existentes. Passagem pelo antigo restaurante Panorâmico de Monsanto, que actualmente serve como miradouro. Sempre bem por maus caminhos!


BTT RIDE AFTER RAIN

05nov2017

Passeio BTT com passagem pelas Penhas da Marmeleira. Sempre meia roda à frente.